Saiba em 6 passos como escolher o revestimento ideal para piscina

Saiba em 6 passos como escolher o revestimento ideal para piscina

Saiba em 6 passos como escolher o revestimento ideal para piscina

Pedras, azulejos, fibra, cerâmica ou vinílico? São tantas as opções no mercado que ficamos perdidos em escolher. Afinal de contas, o revestimento faz toda a diferença e escolher o revestimento ideal para a sua piscina é fundamental para deixar sua área de lazer do jeito que você sempre sonhou.

Mas, muita calma nessa hora! Antes de sair para comprar um revestimento bonito e que combine com a sua decoração, é importante que você conheça sobre os materiais que podem ser instalados e os cuidados que se deve ter com eles, afinal, o revestimento não pode ser apenas bonito, ele precisa ser resistente, funcional e muito mais. Só assim, você vai conseguir aproveitar o verão ao máximo.

Para te ajudar, separamos algumas dicas de quais cuidados devemos ter ao escolher o revestimento para piscina. Veja só:

Acerte na escolha: cuidados na definição do revestimento para piscina. 

Como dito no início do texto, não adianta olhar apenas a beleza do material, é preciso considerar vários fatores essenciais para que seu projeto seja seguro e funcional. Confira os principais cuidados na escolha do revestimento para piscina.

  • Superfície do acabamento

Imagine só que você está andando fora ou na piscina e escorrega ou caí. Isso não é nada legal, não é mesmo? Por isso, é preciso pensar na segurança, ou seja, observar a superfície do acabamento do material que você vai instalar. O ideal é que o material tenha o coeficiente mínimo de atrito igual ou superior a 0,4.

  • Porosidade

Lembre-se que os materiais porosos absorvem com mais facilidade a água, e em piscinas isso pode ser um grande problema. Pois, a absorção da água pelo revestimento pode provocar a expansão do material e fazer com que a água infiltre na argamassa e no rejunte. Por isso, se estiver pensando em colocar algum material que seja poroso, tente colocar um que seja menos possível.

  • Durabilidade e resistência

Uma piscina é projetada para durar por vários anos e que se tiver necessidade de reformas ou manutenção elas não serão grandes. E para evitar que elas sejam recorrentes, é preciso que o material tenha alta durabilidade e resistência, na hora de escolher, veja se o PEI do revestimento é alto, se ele é resistente aos raios ultravioletas, altas temperaturas e a produtos químicos.

  • Manutenção

Para evitar grandes custos com manutenção, o melhor é que o revestimento para piscina seja de fácil limpeza. Por isso, se for escolher, escolha os materiais com superfícies mais lisas e sem muitos detalhes, pois, revestimentos com detalhes são mais trabalhosos para limpar e demandam normalmente gastos recorrentes com manutenção. Então, se puder evitá-los melhor.

Essas foram alguns cuidados que se deve ter na hora de escolher o revestimento para piscina. Mas, e agora? Existem tantas opções! Calma, separamos para você os principais revestimentos que existem no mercado para você conhecer um pouco mais sobre eles e conseguir escolher o ideal para a sua piscina. Confira!

Principais revestimentos internos para piscina:

O revestimento interno da piscina precisa ser resistente, ter aderência e ser durável. Vamos às opções.

Pastilhas

A pastilha de vidro tem uma grande vantagem, elas são pequenas e podem seguir qualquer formato e tamanho de piscina, além de serem de fácil limpeza e conservação. Porém, seu custo é maior que o da cerâmica e dos azulejos e exigem que a instalação seja feita por especialistas em pastilhas.

Azulejos

Os azulejos são o principal revestimento usado para piscinas, por ter um dos menores custos e ser muito duradouro muitas pessoas utilizam. A vantagem desse material é a opção de cores que existe, deixando a água da sua piscina com a sua cor preferida. Contudo, eles são mais sujeitos a limo que pode se acumular nas áreas do rejunte. Para sua limpeza é preciso usar escovas e sabão.

Cerâmicas

Essa é a opção que deixa a piscina mais bonita, pode ser fosco, rústico ou esmaltado, independente da escolha, esse revestimento sempre será uma ótima opção. Os revestimentos de cerâmica têm um grande custo-benefício, pois são um dos materiais mais duráveis que existem e, além disso, não acumulam muita sujeira, fungos.

Pedras

As pedras também são ótimas para revestir a piscina, elas dão um ar mais natural e podem ser instaladas tanto nas laterais como, no fundo da piscina, além disso, as pedras mantêm a temperatura da água sempre fresca. A pedra é um dos revestimentos que também são menos escorregadios. Porém, por ser mais porosa, ela acumula mais sujeira e sua limpeza é um pouco mais trabalhosa, pois é preciso usar sabão neutro com escova ou lavadoras de alta pressão.

Fibra de vidro

As fibras de vidro possuem alta durabilidade e também não acumulam fungos e bactérias em sua superfície, além disso, é muito raro ocorrer vazamentos, pois suas peças são inteiras. A limpeza é bem simples, basta água e sabão, porém não é recomendado utilizar escovas, pois podem arranhar o material. Sua instalação demanda muito cuidados e deve ser feita apenas por especialistas, uma vez que mal colocado pode criar bolhas danificando a peça.

Vinílico

O revestimento vinílico é bastante tradicional e muito usado. Além, de ter baixo custo e ser de fácil instalação, ele é impermeável, desta forma elimina-se uma das etapas da construção que é a impermeabilização. Assim, como o azulejo, o vinil também tem várias opções de cores que você pode escolher. Sua limpeza é fácil comparado aos demais materiais, porém, ele é um material mais frágil o que torna sua durabilidade baixa, por exemplo: se alguém pisar em alguma pedrinha ou em algum outro que possa cortar o vinil ele vai causar vazamento e isso gera um custo de manutenção, pois é preciso retirar toda a água da piscina e reparar o vinil.

Principais revestimentos externos para piscina:

Para deixar sua área de lazer mais bonita é preciso também cuidar da parte externa da piscina, assim você vai aproveitar o verão sem preocupações em danificar a área da piscina. Confira agora como transformar a parte externa da sua área de lazer em um verdadeiro paraíso.

Cerâmica

Se você quer um piso que imita pedra, a cerâmica é uma ótima opção e seu custo-benefício é um dos melhores para revestimento externo de piscina, pois, são duradouros. Mas lembre-se que para ser seguro o piso de cerâmica precisa ter um coeficiente igual ou maior que 0,4 e se PEI precisa ter alta resistência à abrasão, então quanto maior for o valor, maior será a sua resistência.

Porcelanato

O porcelanato é um material resistente tornando-se ideal para o ambiente externo onde terá maior fluxo de pessoal, porém, vale ressaltar que é preciso ter atenção na hora de escolher, pois, o material precisa ter uma textura para ser menos escorregadio e de fácil limpeza, por exemplo, os porcelanatos retificados são uma excelente opção uma vez que são instalados com rejunte de apenas 1,5 milímetros o que facilita a limpeza e evita o acúmulo de sujeiras.

Agora que você já conhece melhor sobre os principais revestimentos para piscina, quero te mostrar os 6 passos de como saber escolher o revestimento ideal para a sua piscina.

1º Passo: Opte por empresas e marcas de revestimentos confiáveis e renomadas;

2º Passo: Escolha uma mão de obra de qualidade;

3º Passo: Prefira materiais de fácil manutenção e limpeza;

4º Passo: Escolha um revestimento que seja seguro;

5º Passo: Opte por opção de revestimentos mais resistentes;

6º Passo: Aproveite ao máximo a sua área de lazer;

7º Passo: Se divirta com a sua família!

Gostou do nosso conteúdo? Então, compartilhe em suas redes sociais! Se quiser saber mais sobre os produtos da Neovilla, acesse nosso catálogo 2021.